“É Dreda Ser Angolano” – Mambo tipo documentário

Um dia passado na Luanda pós guerra, viajando de Kandongueiro e sintonizados numa rádio fictícia: “Feita por gente, com gente e para toda a gente.” Com participações do Conjunto Ngonguenha, Mck, Shunoz, Sbem, Fridolim, Turbantu, Afro e Laranja, entre muitos.

Tudo começou com o disco Ngonguenhação do Conjunto Ngonguenha. Chegou a Fazuma um cd vindo da Matarroa. Escutamos ele e começamos a ver Luanda, a abanar as ancas com os bitis, a mandar gargalhada com as historinhas e, de vez em quando, levando aquele murro no estômago. Logo no momento sentimos que era dos melhores discos que já tínhamos ouvido e que, mais do que boa música, era um documento que retratava Angola. E Angola precisa de ser retratada e mostrada ao mundo. Toda a malta a quem mostramos o disco gostou muito, mas todos diziam não perceber tudo o que era retratado. Novo desafio: “Vamos ilustrá-lo com um video…” Pedimos uma câmara emprestada e filmamos tudo o que coubesse em 12 cassetes que comprámos em promoção. Filma aqui, filma ali. De repente tínhamos tanto material que pensamos em arriscar um mambo tipo documentário. Editamos tudinho num portátil que queimou no final, escrevemos essa historinha e está aí : )”

O mambo tipo documentário já foi selecionado para o Indie Lisboa, passou no Museu de Serralves, na Casa da Música, ganhou o prêmio VIMUS de melhor vídeodocumentário nacional e também o prêmio jovem Mostralíngua 2008. Já em 2009 passou na edição do Mostralíngua em Moçambique e no Cineport no Brasil. Passou recentemente no Sfinks World Festival, no FMM Sines e em vários eventos na Suiça, Holanda, Bélgica e Espanha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s