Miss Angola é primeira negra a vencer o Miss Universo

A Miss Angola Leila Lopes venceu o concurso Miss Universo 2011 e foi eleita a mulher mais bonita do mundo. A Miss, a primeira negra a vencer o concurso, desbancou as cinco finalistas. O evento, que aconteceu na noite desta segunda-feira (12), no Credicard Hall, em São Paulo.

 Na primeira vez em que o Brasil foi sede de um concurso de Miss Universo, a brasileira quase chegou lá: a gaúcha Priscila Machado ficou em terceiro lugar. O título ficou com Leila Lopes, de Angola.

O Brasil não vence o Miss Universo desde 1968, quando a baiana Martha Vasconcellos foi eleita. Antes dela, a outra única brasileira a vencer foi a gaúcha Ieda Maria Vargas, de 1963.

O concurso começou com as 89 candidatas se apresentado: nome, idade e o país que representam. Logo na sequência, houve o primeiro corte nas candidatas. Dezesseis beldades avançaram à segunda fase: Angola; Austrália; Brasil; China; Colômbia; Costa Rica; Estados Unidos; Filipinas; França; Holanda; Kosovo; Panamá; Porto Rico (aniversariante!); Portugal; Ucrânia e Venezuela.

Como esta é uma edição comemorativa (o 60º concurso), houve uma pequena retrospectiva com imagens de concursos antigos.


Na sequência, foi apresentado o primeiro prêmio paralelo da noite: a Miss Panamá venceu na categoria de trajes típicas.

Depois, houve a primeira apresentação musical: Claudia Leitte deixou o lado brasileiro de lado, apesar da presença da capoeiristas no palco, e cantou “Locomotion” em inglês e espanhol. Durante o show, houve o desfile de biquíni.

Mais prêmios e semifinalistas

Na sequência, foram anunciados mais dois prêmios paralelos: a sueca foi eleita Miss Fotogenia; e a representante de Montenegro ficou com o título de Miss Simpatia. Nesta categoria, as eleitoras são as próprias candidatas.

Após a entrega destes dois prêmios, houve o segundo corte. Apenas dez avançaram à semifinal: Angola, Austrália, Brasil, China, Costa Rica, Filipinas, França, Panamá, Portugal e Ucrânia.

O segundo show também foi o de uma cantora brasileira cantando em inglês: Bebel Gilberto apresentou “Close Your Eyes”. Durante a apresentação, as candidatas desfilaram em trajes de gala.

Última etapa

Uma vez definidas as cinco finalistas, a última fase foi a sequência de perguntas para as candidatas. As perguntas foram sorteadas, como de praxe.

Enquanto os jurados apontavam suas notas, a mexicana Ximena Navarrete, fez o seu último desfile – e último discurso – como Miss Universo 2010.

O último desfile antes do anúncio da vencedora foi, mais uma vez, com as candidatas em traje de gala.


Assim, foram anunciadas as cinco vencedoras: Leila Lopes (Angola), em primeiro; Olesya Stefanko (Ucrânia), em segundo; Priscila Machado (Brasil), em terceiro; Shamcey Supsup (Filipinas), em quarto; e Luo Zilin (China), em quinto.

Fonte: UOL

Anúncios

5 comentários sobre “Miss Angola é primeira negra a vencer o Miss Universo

  1. FOI UMA ESCOLHA JUSTA E TRANSPARENTE .O CORPO DO JURADO ESTEVE FELIZ NA MEDIDA EM QUE APRESENTOU UM LINDO TRABALHO… Leila Lopes (Angola), em primeiro; Olesya Stefanko (Ucrânia), em segundo; Priscila Machado (Brasil), em terceiro.É UM RESULTADO PERFEITO.

  2. Corrigindo: Janelle ‘Penny’ Commissiong Chow (Port-of-Spain, 1953) é uma rainha da beleza trinitina, eleita Miss Universo 1977, em 16 de julho daquele ano, em Santo Domingo, República Dominicana. Ela foi a primeira negra a conquistar o título depois de 25 anos de existência do concurso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s